sexta-feira, 18 de janeiro de 2013

Novos hábitos para uma cozinha ecológica

Para cuidar da natureza ninguém precisa se acorrentar em uma árvore aos gritos para que ela não venha a baixo, ou participar de grandes revoltas contra empresas que poluem rios. O importante é que cada um de nós tenha consciência do que podemos fazer para melhorar o nosso relacionamento com o meio ambiente!

Você já parou para pensar o quanto você contribui para a sustentabilidade do nosso planeta?


Pensando em pequenas atitudes para conviver melhor com o planeta terra, acho que um bom lugar para começar é pela cozinha. Ela é um dos cômodos em que existe maior uso dos nosso recursos naturais. Mas é possível com um pouco de cuidado, diminuir o impacto causado, veja só:
  • Antes de lavar os pratos, deixe a louça de molho na pia, mergulhados em água e detergente.
  • Reutilize a água de cozimento de vegetais para fazer sopas, novos cozimentos ou para regar plantas e jardins. Esta água é muito rica em nutrientes.
  • Para tirar a gordura de um recipiente sujo, use a borra do café. Passe a borra, deixe agir por alguns minutos e depois lave com água.
  • Troque o detergente comum por uma mistura de água e vinagre (um terço de vinagre e complete com água).
  • Deixe os grãos de molho algumas horas antes de cozinhar. O alimento utilizará menos gás e tempo para ser preparado. Não se esqueça de tampar a panela enquanto cozinha, e de preferência use uma panela de pressão.
  • Procure o selo de eficiência energética do Procel ao comprar aparelhos novos ou trocar os velhos.
  • Cerca de 15% da conta de luz são responsabilidade dos aparelhos que ficam em stand by. Desligue o micro-ondas quando não o estiver usando.
  • Um litro de óleo jogado pelo ralo polui 1 milhão de litros de água dos rios. Doe o óleo de cozinha usado a entidades sociais que produzem sabão.
  • Separe o lixo reciclável do orgânico.
  • A geladeira é o segundo eletrodoméstico que mais consome energia elétrica na casa. Evite abrir a porta dela para pensar.
Se cada pessoa começar a diminuir um pouquinho o impacto que ela causa no planeta já viveríamos em um lugar muito melhor. Aquele papo de pensar no planeta que vamos deixar para os nossos filhos ficou no passado e nada foi feito, o problema agora é mais sério e emergencial. Vamos lá, cada um pode fazer um pouquinho!


Fonte: Blog de Decoração - LojasKD


0 comentários:

Postar um comentário